5 etapas para melhorar o desempenho do seu blog

Quando criamos um blog, na maioria das vezes focamos apenas em criar conteúdo e rentabilizá-lo, e tá tudo bem nisso, porém esquecemos de melhorar algumas coisas no backstage do blog – e que fazem muito diferença no tráfego e desempenho a longo prazo.

Como muitas blogueiras não se preocupam com as questões técnicas do blog, vou listar 5 etapas simples que vocês podem realizar em seu site e irá melhorar consideravelmente o desempenho.

1. Atualização do WordPress

Mantenha seu WordPress sempre atualizado, parece clichê, mas a maioria dos blogs não utilizam a versão mais recente do WordPress. É extremamente importante para a segurança do seu site que a versão do WordPress esteja sempre atualizada, isso vai garantir melhorias adicionais de desempenho e corrigir bugs das versões anteriores.

2. Versão de PHP

O termo PHP pode parecer confuso, mas é a linguagem de programação mais popular da web, e é claro que o WordPress é inteiro baseado em PHP. 

A versão mais recente hoje em dia é a 7.3, e nela trás melhorias de segurança e performance . Atualizar a versão de PHP é um processo simples e você mesmo poderá fazer, sem ajuda de um profissional.

Acesse o painel de controle da sua hospedagem, a maioria é cPanel. Dentro do painel procure pela a opção PHP Selector e escolha a versão 7.3. Após atualizar, teste todo o funcionamento  do seu blog, caso dê algum bug, retorne para a versão que estava, pois provavelmente algum tema e/ou plugin ativo em seu site não é compatível com a nova versão de PHP.

PS: Uma dica valiosa é ativar a extensão Opcache. OpCache aumenta a performance de execução de código php, guardando um cache compartilhado.

3. Plugin de Cache

Cada vez que um usuário acessa o seu site em WordPress, uma página é criada e faz uma nova requisição no servidor de hospedagem. Uma maneira de acelerar esse processo é criar uma cópia, que chamamos de cache. Com o plugin de cache ativo você terá uma página com carregamento mais rápido, além de poupar recursos do seu plano de hospedagem.

Para instalar e ativar o plugin de cache, siga as instruções abaixo:

1) No painel do WordPress cliqueis em “Plugins”> “Adicionar Novo”

2) Procure por LiteSpeed ou W3Cache, faça a instalação e logo em seguida ative. 

Como ativar plugin LiteSpeed

3) Clique em LiteSpeed Cache -> Settings e certifique que o plugin esta como ENABLE.

Configurando plugin de cache

4. Cloudflare

O Cloudflare é uma CDN que também cria uma cópia em cache do seu site e distribui em milhares de servidores pelo mundo, e com isso irá reduzir a carga do seu servidor. Ao ativar o Cloudflare as páginas podem abrir até 30% mais rápidas. Além de ajudar no desempenho, também auxilia contra pequenos ataques.

Para ativar o Cloudflare, siga os passos abaixo:

1) Acesse o site do Cloudflare, crie seu cadastro e adicione o seu domínio.

Adicionar Dominio Cloudflare

2) Escolha o plano free e confirme.

Configuração Cloudflare Plano

3) Após salvar, será necessário alterar os DNS em seu registro de domínio. Você poderá realizar essa troca no seu registrante atual.

Configuração Cloudflare DNS

5. Otimização de Imagens

Se o seu blog possui imagens muito pesadas, consequentemente isso vai atrapalhar o carregamento da sua página, causando até uma taxa de rejeição maior, e isso é o que nenhuma blogueira quer, não é mesmo? 

Por isso otimizar as imagens é primordial, e hoje em dia você consegue otimizar o tamanho da sua foto sem perder a qualidade, além de economizar espaço em seu servidor de hospedagem.

Para isso recomendamos o plugin Smush:

Lembrando que antes de aplicar todas as dicas, façam backup do seu blog por segurança. As 5 dicas parecem básicas, mas garanto que ao aplicar todas, o desempenho do seu WordPress irá melhorar consideravelmente e com isso poderá ajudar no ranqueamento nos buscadores.